Aguarde, carregando...

Esse conteúdo é exclusivo para associados ABOR.
Caso queira visualizar, faça seu login ou associe-se.

LoginAssociar-se
Voltar ao site

Asma é doença crônica que interfere na respiração

ABOR-GO/Oficina Comunicação
Terça, 23 de Junho de 2020

Asma é doença crônica que interfere na respiração
Dia Nacional de Combate à Asma reforça cuidados com sistema respiratório e lembra importância de seu controle adequado durante a pandemia

A asma é uma doença heterogênea que gera inflamação crônica das vias aéreas associada a aumento da secreção de muco e hiper-reatividade brônquica a agentes do meio externo. Ela é caracterizada pela história de sintomas respiratórios do indivíduo, como dificuldade respiratória, tosse, chiado, opressão torácica e ansiedade, os quais variam com o tempo e intensidade.

A asma atinge aproximadamente 6,4 milhões de brasileiros acima dos 18 anos, segundo a Pesquisa Nacional de Saúde (PNS). Um estudo da Organização Mundial da Saúde entre adultos de 18 a 45 anos indicou que 23% dos brasileiros tiveram sintomas de asma no último ano.  

A pneumologista Simone Lobo Krupok Matias, doutoranda em Doenças Pulmonares Intersticiais pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), lembra que a asma leva a respiração inadequada. “Existe uma relação importante entre asma, rinite alérgica e respiração bucal devido à inflamação contínua das vias aéreas, que gera edema da mucosa do nariz e obstrução nasal. Epidemiologicamente, a asma e a rinite alérgica coexistem em muitos casos”, explica.

Em 2013, ocorreram 129.728 internações e 2.047 mortes por asma no Brasil. O custo da asma não controlada é elevado para o sistema de saúde e para as famílias, mas esse custo pode ser significativamente reduzido com o controle adequado da doença e o acompanhamento médico constante. Entretanto, um inquérito nacional encontrou apenas 12,3% dos asmáticos com asma bem controlada.

“Enfrentar uma doença inflamatória crônica durante a pandemia pode ser desafiador, mas seguir de forma correta o plano de tratamento definido pelo seu médico e evitar a exposição a gatilhos da doença são essenciais neste momento”, adverte Simone Lobo Krupok. Lembrando que 21 de junho é lembrado como o Dia Nacional de Combate à Asma.

ABOR-GO

Oficina Comunicação

Seja um Associado

Associar

Nossas Redes Sociais

Endereço

RUA DR. MÚCIO GALVÃO, 480 - CEP 59.022-530 - NATAL/ RN

Contato

(84) 3221-0300 | (84) 99409-5979

contato@abor.org.br